In Verbis


icon-doc
REVISTA DE 2014

Advocacia digital

  • PDF

Gestão documental, gestão de processos e de contencioso. Planos de pagamento, facturação e 'timesheet' detalhada, relatórios de produtividade. A lista de tarefas facilitadas pelo 'sofware' de gestão aplicado ao meio jurídico é extensa e valiosa. A Jurinfor, pioneira em Portugal no desenvolvimento de conteúdos jurídicos em suporte electrónico, é uma das empresas que está hoje vocacionada para dar a escritórios de advogados e departamentos jurídicos de empresas respostas integradas.

Aposta agora numa nova plataforma que permitirá guardar toda a informação do escritório em servidores, numa cloud'.

Uma ideia que gera alguma insegurança, junto de gabinetes e Sociedades de advogados portugueses mas que, nos mercados emergentes, é muito bem aceite. "Este serviço permite o alojamento remoto de conteúdos numa aplicação instalada num 'data center'. Aqui isto ainda causa alguma desconfiança porque a área jurídica é muito fechada". Mas, da experiência da directora comercial da Jurinfor, países como Angola são mais receptivos: "Lançámos na semana passada em Luanda, o Portal LexLink, em parceria com a SoftAngola. O 'boom' ainda não aconteceu mas estes mercados estão muito mais aptos para a tecnologia", testemunha Anabela Nicolau.

Este portal integra textos integrais da legislação portuguesa, angolana e moçambicana, prepara-se para agregar outros países da CPLP, e disponibiliza já outros conteúdos como minutas, jurisprudência, dicionário jurídico, bolsa de emprego e diário legal. Eficácia, eficiência, redução de perdas de tempo, actualização diária são objectivos das empresas que trabalham nesta área.

A multinacional Wolters Kluwer (WK), presente em mais de 150 países, também está em Portugal onde tem como rosto Florbela Jorge. A directora-geral da WKP contabiliza 35 milhões de 'links' no repositório - acessível ao cliente - que aloja conteúdos jurídicos relacionados com jurisprudência, doutrina, formulários e minutas nas áreas legal, 'corporate', saúde e contabillístico-fiscal e disponibiliza a única aplicação que pode ser trabalhada no 'Word' e 'Outlook'.

Com um motor de pesquisa semântico que afirma ser único no mundo, a empresa vai lançar no próximo mês uma solução 'online' que permitirá ao cliente por exemplo, tomar notas 'num livro' ou chamar a atenção do seu gabinete para este ou aquele pormenor. Florbela Jorge, com uma experiência de 20 anos na advocacia, valoriza a importância de maximizar a produtividade dos seus pares: "A nossa base de dados, única em Portugal, integra a jurisprudência da Ia instância. Nas decisões que, pela alçada do Tribunal, não permitem recurso, nós analisamos o caso na eventualidade de este existir. Fazemos todo esse trabalho, poupando tempo e ajudando os advogados a preparar as suas peças processuais".

SOL | 18-04-2014

Comentários (1)


Exibir/Esconder comentários
...
Publicidade?!?

O que se segue? Aproveitem a promoção do azeite no Continente?
Contribuinte espoliado , 18 Abril 2014 - 19:56:08 hr.

Escreva o seu comentário

reduzir | aumentar

busy

Últimos conteúdos

Com o termo do ano de 2014, cessaram as publicações de conteúdos nesta Revista Digital de 2014.Para aceder aos conteúdos...


O número de funcionários judiciais diminuiu 9,9 por cento em seis anos, enquanto os magistrados do Ministério Público au...

A partir de 1 de janeiro, os médicos vão recuperar os 20% tirados ao pagamento do trabalho extraordinário. ...

Últimos comentários

Forense Profissionais Liberais: Advogados Advocacia digital

© InVerbis | Revista Digital | 2014.

Sítios do Portal Verbo Jurídico