In Verbis


icon-doc
REVISTA DE 2014

José Sócrates: "Ai fui eu que aprovei isso!?"

  • PDF

O ex-primeiro-ministro desabafou perante um responsável da prisão que para ter acesso ao cartão do recluso com o dinheiro que pode gastar e os dez números de telefone para onde pode ligar eram necessárias "muitas burocracias"....

Em resposta, esse elemento mostrou-lhe o decreto-lei do regulamento geral das prisões e o Código de Execução de Penas, chamando a atenção para a assinatura no documento e disse: "Foram aprovadas por si."

Sócrates ainda gracejou: "Ai fui eu que aprovei isso!?", contou ao DN fonte prisional.

Rute Coelho | Diário de Notícias | 29-11-2014

Comentários (3)


Exibir/Esconder comentários
...
É engraçado. Não sei se é verdade ou não, mas se eu fosse jornalista também tinha a tentação de escrever umas noticias engraçadas sobre o assunto.
cardoso sousa , 28 Novembro 2014 - 12:08:32 hr.
...
Aqui está o problema - olhar distante
Forade jogo , 28 Novembro 2014 - 15:30:15 hr.
...
Claro que foi ele que aprovou, como aprovou muitas outras coisas para todos nós. Só que pensava que as leis que aprovava, não se destinavam a ele, pois pensava, e não é o único, que estava acima da lei, ou já se esqueceram do cigarrito que ele nos proibiu, mas que ele fumou atrás da cortina.. .
, 01 Dezembro 2014 - 19:46:31 hr.

Escreva o seu comentário

reduzir | aumentar

busy

Últimos conteúdos

Com o termo do ano de 2014, cessaram as publicações de conteúdos nesta Revista Digital de 2014.Para aceder aos conteúdos...


O número de funcionários judiciais diminuiu 9,9 por cento em seis anos, enquanto os magistrados do Ministério Público au...

A partir de 1 de janeiro, os médicos vão recuperar os 20% tirados ao pagamento do trabalho extraordinário. ...

Últimos comentários

Atualidade Sistema Político José Sócrates: "Ai fui eu que aprovei isso!?"

© InVerbis | Revista Digital | 2014.

Sítios do Portal Verbo Jurídico