In Verbis


icon-doc
REVISTA DE 2012

Salário dos políticos, polícias e professores universitários aumentou

  • PDF

As contas, feitas pela Direção-Geral da Administração e Emprego Público (DGAEP) e divulgadas na edição de hoje do Correio da Manhã, dizem respeito ao ganho médio mensal nas várias profissões do setor público. Só na classe política, o aumento salarial foi de 81 euros por mês. As outras profissões que tiveram aumentos no salário médio mensal foram os polícias e os professores universitários.

O relatório da DGAEP a que o Correio da Manhã teve acesso, revela que, no primeiro trimestre de 2012, o ganho salarial médio mensal dos representantes do poder legislativo e de órgãos executivos aumentou de 5.605 euros para 5.686 euros, ou seja, um aumento mensal de 81 euros por mês.

Em reação a este aumento salarial da classe política, o Ministério das Finanças explicou que pode ter ficado a dever-se a fatores como a atribuição, nos termos da lei, de subsídios de deslocação a membros do Governo que possuam residência a mais de 100 quilómetros do local de trabalho.

Os políticos não são os únicos que viram os salários progredirem nos primeiros três meses do ano. De acordo com o diário, verificou-se uma variação salarial mensal positiva de 2,4 por cento nos professores do ensino superior politécnico, de 2 por cento nos polícias, de 1,8 por cento nos oficiais de justiça e de 1 por cento nos professores universitários, o que corresponde, neste último caso, a um aumento de 30 euros por mês.

Recorde-se que, ainda há cerca de dois meses, em entrevista ao Diário Económico, Pedro Silva Martins, Secretário de Estado do Emprego, defendia a moderação salarial como forma de "assegurar que o ajustamento da economia decorre de uma forma mais célere possível", possibilitando, com isso, a diminuição dos níveis de desemprego.

PTJornal | 28-08-2012

Comentários (8)


Exibir/Esconder comentários
...
Todos os animais são iguais, mas uns são mais iguais do que outros (G. Orwell)
Hannibal Lecter , 29 Agosto 2012
...
Aumentaram-me para me poder cortar os subsídios....
Et voilá, fui aumentada e recebo menos. Mais valia estarem quietinhos.
F. Mendes , 29 Agosto 2012
...
Este ano, como Oficial de Justiça, vou receber menos cerca de 2300 euros com o corte do subsidio de férias e do 13º mês, no entanto, a minha remuneração mensal média foi aumentada em 1,8%, saindo tais valores com toda a pompa e circunstância nos mais variados meios de comunicação social, sendo apelidados os oficiais de justiça e outros de privilegiados na praça pública, mais puro engano.

Ou seja este vou receber menos, mas no entanto fui aumentado, isto é uma matemática estranha, deve ser oriunda dali dos lados da UNI.

O que me chateia não é terem publicado tal noticia porque a fonte da mesma é de um organismo do estado, o que realmente me chateia, é estas as contas de merceeiro por parte daquele organismo para mais uma vez fazerem propaganda barata na opinião publica, sendo que este governo, a par de outros é perito nesses expedientes.

Mais uma vez os funcionários públicos são os maus da fita, a origem de todos males e mais alguns, pondo o publico contra o privado, mas não vêem as outras gordorinhas, as PPP's, BPN's, BPP's, ajustes directos, número de assessores, números de deputados, despesa da assembleia da republica, do presidente da republica, banco portugal, cartões de credito, despesas de representação, negócio dos submarinos, etc, etc...

Esta noticia faz-me lembrar a tal historia dos dois indivíduos que entram num restaurante, um pede um prato qualquer e come-o e outro fica ali ver o primeiro a come-lo, mas estatisticamente cada um comeu meio prato, ficando um a barriga cheio e outro a salivar com a barriga "a dar horas".

Para aqueles que têm uma raiva visceral contra os funcionários públicos, eu quando entrei fiz provas públicas eu e mais 40 e tal mil, fiquei nos primeiros mil, depois disso já percorri meio Portugal, se houve quem não tivesse entrado, azar, se não souberam do concurso, azar, da próxima vez estejam atentos ao diário da república, com eu estive, agora o acesso até é gratuito e de fácil consulta na internet.

Haja paciência.
Oficial de Justiça , 29 Agosto 2012
...
Não me chateia, especialmente quanto aos polícias, que haja quem tenha sido aumentado (salvo os aumentos dos políticos, os que menos o merecem), embora não o compreenda. E admito que seja uma falácia apregoarem-se aumentos quando estes são irrisórios em comparação ao confisco a que se foi sujeito.
Todavia, eu, FP, tive os cortes salariais, perdi os subsídios de férias e de natal e não tive qualquer aumento. Nem um cêntimo. Como diz HL, todos são iguais, mas uns são mais do que os outros... nada a que não se esteja já habituado.
Para além dos ditos aumentos, curiosas são também as dezenas de promoções nas Forças Armadas. É consultar o DR, II Série. Ou será que essas promoções não são acompanhadas do correspondente aumento salarial?!
FP que não foi aumentado , 29 Agosto 2012
...
Isto realmente vale tudo, não fui aumentado, subtraíram-me os 13.º e 14.º com coação o que é um roubo na doutrina penal, e agora dizem que os policias foram aumentados!!!!
Temham vergonha na cara os Srs. DAGEP e sejam honestos.
Oficial de Policia , 30 Agosto 2012
E assim
prossegue a gigantesca operação de lavagem ao cérebro. E o povo gosta!

Tem alguma razão um político que questionava a concentração das empresas de comunicação social num único sector político-partidário da nossa praça. Isso vai-se notando, sobretudo na forma como se escreve/diz, no que não se escreve ou diz e nos factos que não chegam a ser notícia ou sobre os quais se fala da rama...
Um ressabiado , 31 Agosto 2012
...
Boa noite.

Sou policia, parece que fui aumentado sem saber.

Olhando para o recibo de vencimento ninguém diria, alguem me diz onde devo reclamar?smilies/grin.gif
policia aumentado...? , 31 Agosto 2012
Estou a ser roubado?
Eu sou Professor numa Universidade Pública e nos últimos 4 anos tenho tido sempre diminuição de salário, não sou eu que o digo é o meu IRS que o comprova. Onde posso reclamar para me enquadrar nos dados que se apresentam nesta notícia?
Confuso , 09 Setembro 2012 | url

Escreva o seu comentário

reduzir | aumentar

busy

Últimos conteúdos

A estrutura da InVerbis está organizada por anos e classificada nos correspondentes directórios.Os conteúdos publicado...

O Estado assumiu, através da empresa pública Parvalorem, a dívida de quase 10 milhões de euros de duas empresas de Vítor...

Dos 118 homicídios cometidos em 2012, 63 tiveram familiares como protagonistas • Cinco pais e 18 padrastos detidos por a...

Pedro Lomba - Na primeira metade do ano o ajustamento negociado com a troika correu dentro do normal e expectável. Mas d...

Últimos comentários

Tradução automática

Atualidade Sistema Político Salário dos políticos, polícias e professores universitários aumentou

© InVerbis | 2012 | ISSN 2182-3138 

Sítios do Portal Verbo Jurídico