In Verbis


icon-doc
REVISTA DE 2012

Candidatura de Rangel abre guerra nos juízes

  • PDF

A candidatura de Rui Rangel à presidência do Benfica está a gerar um grande mal-estar na magistratura, sobretudo no Tribunal da Relação de Lisboa, onde exerce funções, sendo mesmo acusado de "insensatez".

Também o Conselho Superior da Magistratura (CSM) já comunicou ao juiz a sua posição, entendendo que este deveria suspender o exercício das suas funções durante a campanha eleitoral do clube. Contactado pelo CM, o presidente da Relação, Vaz das Neves, disse desconhecer qualquer posição do órgão de gestão e disciplina dos juizes sobre este assunto e recusou fazer mais comentários.

No entanto, segundo vários juizes ouvidos pelo CM, os magistrados sentem-se incomodados, entendem que Rangel está a "pôr em causa a imagem da Relação", principalmente por ainda não ter formalizado o pedido de escusa do processo dos No Name Boys - 29 elementos foram condenados, em 2010, por tráfico de estupefacientes, posse de arma ilegal, tráfico de armas, ofensa qualificada à integridade física e incêndio, entre outros crimes.

Rangel, que esteve ontem na RTP 1 (ver frases), já anunciou, num despacho de 13 de Outubro, a intenção de deixar o processo, mas o pedido ainda não deu entrada no Supremo Tribunal de Justiça. Caso deixe o processo, o relator do recurso passará a ser João Carrola.

O CSM tem criticado a presença de juízes em órgãos de Justiça desportiva. Já a Associação Sindical de Juízes foi mais longe e aprovou um documento, em 2008, em que diz que "devem os juizes abster-se de exercer qualquer tipo de actividade, ainda que totalmente gratuita, em associações desportivas ligadas a qualquer forma de modalidade de desporto profissional, nomeadamente o futebol". Contactado pelo CM, Rui Rangel pediu dez minutos, mas depois desligou o telemóvel.

Juiz que esteve com Vale na Luz salva Rui Rangel

O testemunho dos juízes Fátima Galante, Cândido Gouveia e de mais duas pessoas, apurou o CM, foram fundamentais para que a mesa da Assembleia Geral (AG) do Benfica aceitasse, à condição, a candidatura de Rui Rangel (lista B) às eleições que estão agendadas para o dia 26 de Outubro.

Fátima Galante é ex-mulher de Rui Rangel e Cândido Gouveia foi presidente do Conselho Fiscal da Direcção liderada por Vale e Azevedo, entre 1997 e 2000.

As quatro testemunhas asseguraram, por escrito e sob compromisso de honra, que Rangel é sócio pelo menos desde 1985 e não desde 1990, como consta nos registos do clube. Desta forma, o juiz de 54 anos tem os 25 anos de sócios exigidos pelos estatutos para poder concorrer à presidência das águias.

Luís Nazaré, líder da AG dos encarnados, no entanto, deu 48 horas a Rui Rangel para pagar as quotas que estarão em atraso desde 1985 a 1990.

Ana Luísa Nascimento | Correio da Manhã | 18-10-2012

Comentários (20)


Exibir/Esconder comentários
...
eu voto rangel.
estamos mais pobres , 18 Outubro 2012
...
Eu também voto Rangel...ahahahah....O Rangel só vem demonstrar o que realmente são os juízes...uns vendidos que se vendem a tostões e a arbitragens....jubilações...ahahhahah.
Carlos , 18 Outubro 2012
Boaaaaa!
Eu também voto Rangel; pode ser assim que ele se dedique apenas aos futebóis e deixe de sujar a justiça com aquele tipo de comentários e com aquela companhias.
Luis , 18 Outubro 2012 | url
...
Está tudo visto, o Walker, O Rangel do Texas e o jornaleiro Pinto (daí ainda não ver aqui o comentário flatulento de um certo arrazoador deste blog...) só podiam ser do s l barracas... Fó fó fó.

PORÉM, quando aos "vendidos", certamente que anda para aí uma certa outra profissão de mercenários a soldo dos que lhes pagam e que pelo pilim lançam mão das aldrabices mais sujas que se possa imaginar.

Daí que os vendidos não sejam tanto os juízes - incluindo o Rangel do Texas -, mas sim os de uma certa outra profissão...
Zeka Bumba , 18 Outubro 2012
Spooorting!...
Os juízes não são deuses!...
São comuns mortais como os demais...
E tb cidadãos de pleno direito!...
Há que acabar com esta postura elitista, pretendendo uma imagem que não passa de mero artefacto...
O único problema que eu vejo aqui é ele não ser do Sporting...
Fraco gosto...
Leo , 18 Outubro 2012
BBB
e os outros juízes que andam metidos no futebol? e os juizes que andam metidos com as universidades, que não passam de outra fonte de tráfico de influências, favores,,,,,,?
e os juízes jubilados nas arbitragens?
VERGONHA !!!!HIPOCRISIA!!!!
ana , 18 Outubro 2012 | url
...
Ó Bumba, tanto ódio ao Marinho Pinto só pode ter sido causado por um grande desgosto de amor smilies/smiley.gif
Zé da Laurinda , 18 Outubro 2012
...
Eu também voto no sr. Desembargador.
Considero que foi uma das suas ideias mais luminosas. Desejo-lhe muitos sucessos à frente do Benfica. E acrescento: porquê ficar-se pelo Benfica ? Uma personalidade riquíssima e multifacetada como o sr. Dr. Rangel (Juíz, escrevinhador, comentador, candidato a presidente de clube de futebol,...) não se deve ficar pelo Benfica: pode seguir para presidente do Spartak de Moscovo, e daí para presidente de um qualquer grupo desportivo sediado para lá do Círculo Polar Árctico. Quanto mais longe e mais frio melhor, porque só o frio extremo poderá tolher o fervilhar de ideias dentro daquela prodigiosa cabeça.
Gostaria de terminar dizendo o quanto eu, e a magistratura em geral, temos pena de o ver partir, e que lhe desejamos tudo de bom, e que sempre teremos saudades, mas, como bem sabemos, tal seria uma grosseira falsidade.
Limitar-me-ei a dizer: boa viagem (don't come back)
Hannibal Lecter , 18 Outubro 2012
...
Ahaha...O Zeka é o único que vem para aqui mandar bitaites...Oh Zeka junte-se ao Rangel e meto o cachecol do Benfica e a dizer Juízes elitistas verdadeiros vendidos a troco de umas coroas...
ai ai...é cm dizem zé da laurindasmilies/cheesy.gif
Carlos , 18 Outubro 2012
O Sacerdócio
A magistratura não é um sacerdócio, sendo, embora, uma carreira com consabidas especiais exigências.
Ora, nenhum mal vem ao mundo se um magistrado, seja ele juiz ou do mp (como, aliás, qualquer outro cidadão servidor do Estado) decidir, em dado ponto da sua carreira, fazer uma pausa para o exercício de qualquer outra actividade - seja ela dirigir uma autarquia, presidir a uma associação desportiva, escrever, fazer voluntariado na "AMI" ou "nos missionários", tocar música, pintar, esculpir, etc., etc. - desde que, naturalmente, a mesma não colida com as tais especiais exigências da função. Designadamente, desde que não ensombre ou manche o seu ulterior regresso à magistratura, perigando a sua independência.
É apenas este o "punctum crucis" da questão.
Um juiz entre outros , 18 Outubro 2012
Que diz o CSM?
O que espanta é o silêncio do CSM.
Era de esperar que as TVs perguntassem ao Exmo. Presidente ou ao Ex.mo Vice do CSM o que acham da situação e qual foi/será a actuação desse orgão.
Como benfiquista estou preocupado, como magistrado estou envergonhado.
Zé-Zé (ex-camarinha) , 18 Outubro 2012 | url
...
Caro Juiz entre outros, "perigando a sua independência"...Desde quando os juízes são independentes? Só se estiverem na arbitragem ahahahhaah....
Francisco , 18 Outubro 2012
Espero que não seja tarde demais...
Não se entende a razão pela qual os outros magistrados se sentem incomodados. Será inveja ou não querem admitir que há pessoas livres que podem escolher outros caminhos?
Não se deve confundir as pessoas com as funções. O que seria mau seria o Sr. Juiz, Comentador ser prejudicado por querer mudar de vida. Faz bem, já tem idade... para seguir os sonhos sem ter ninguém que lhe diga o que fazer nem o que falar, nem o que dizer. E espero que ganhe...tudo para o bem dos magistrados de outros clubes!smilies/grin.gif
Lawlita , 18 Outubro 2012
...
Um perigo. Imaginem que começa a haver reciprocidade e um dia o Maradona quer chegar ao Supremo. Tonteria? Já andámos mais longe...

smilies/grin.gifsmilies/grin.gifsmilies/grin.gif
Herr Flick von GESTAPO , 18 Outubro 2012
...
Não se esqueçam que o Sporting também teve um candidato a Presidente que era juiz Desembargador! E agora é o Benfica!
O FCP também os terá, mas o lugar está blindado!...
Toureiro , 18 Outubro 2012
...
Meter o cachecol do sl barracas? Só se faltasse por aí o "rolo de filmar"...

Quanto às coroas, há aí uns certos profissionais duma certa atividade que ganham mais a "ensaiarem" testemunhas para irem mentir para o tribunal e a ajudar a rapaziada a lavar dinheiro da droga?

E aquele "ilustre advogado" que concorreu 2 vezes ao CEJ e bateu com o nariz na porta que foi condenado a uns anitos de choça por andar a "comer" menores da Casa Pia?

E aquele advogado ilustrérrimo e HONESTÍSSIMO que "cavou" para Londres e não quer voltar à mãe pátria?

E ainda andam aqui advogados de pacotilha a "flatular"" contra os juízes?

VEJAM-SE AO ESPELHO, SEUS dfvngjbnjgnbfdlkjknfgvjfgbjfn!!!

P.S. Quanto ao desgosto amoroso, O QUE SEI É QUE EXERCI FUNÇÕES NUMA COMARCA HÁ UNS ANOS EM QUE O REPRESENTANTE DA ORDEM PEGAVA DE MARCHA-ATRÁS, MAS ISSO...
Zeka Bumba , 18 Outubro 2012
...
Realmente não ouvi ninguém levantar a voz quando o Abrantes Mendes se candidatou à presidência do Sporting...
Justice For All , 18 Outubro 2012
...
Zé-Zé: leia a notícia.
Leitor atento , 19 Outubro 2012
ZECA BUMBA/TOINO
Passei por aqui, onde não vinha há meses.
Ainda cá está o Toino. Vou-me embora e tento mais tarde.
SERPA , 25 Outubro 2012
Pois é
É verdade Serpa...O Zeka Bumba continua por cá...O Mestre em Direito...Sabes que tem um novo nick? É o Anti-Advogadagem...aahhaha...
António , 25 Outubro 2012

Escreva o seu comentário

reduzir | aumentar

busy

Últimos conteúdos

A estrutura da InVerbis está organizada por anos e classificada nos correspondentes directórios.Os conteúdos publicado...

O Estado assumiu, através da empresa pública Parvalorem, a dívida de quase 10 milhões de euros de duas empresas de Vítor...

Dos 118 homicídios cometidos em 2012, 63 tiveram familiares como protagonistas • Cinco pais e 18 padrastos detidos por a...

Pedro Lomba - Na primeira metade do ano o ajustamento negociado com a troika correu dentro do normal e expectável. Mas d...

Últimos comentários

Tradução automática

Forense Magistrados: Juízes Candidatura de Rangel abre guerra nos juízes

© InVerbis | 2012 | ISSN 2182-3138 

Sítios do Portal Verbo Jurídico