In Verbis


icon-doc
REVISTA DE 2016

Condenados a prisão por insultar juíza no Facebook

  • PDF

Os irmãos Daniel e Samuel Sledden, de 27 e 22 anos, respetivamente, foram condenados a dois anos de prisão efetiva por tráfico de droga depois de terem sido apenas condenados a pena suspensa. A juíza voltou atrás na decisão depois de os criminosos terem decidido festejar a primeira sentença com insultos à própria juíza Lunt no Facebook.

"Não posso acreditar na minha sorte, dois anos de pena suspensa. Chupe aqui juíza Lunt", escreveu Daniel Sledden na rede social.

Após a publicação, os irmãos de Accrington, no Reino Unido, voltaram a ser chamados a tribunal, onde a juíza anunciou a alteração da sentença. "Cada uma das publicações indica que eles não mudaram nada. Não apreenderam qualquer responsabilidade", explicou a juíza Lunt, citada pelo site Daily Mail.

Daniel e Samuel Sledden acabaram por ser condenados a dois anos de prisão efetiva. Ainda escreveram uma carta a pedir desculpa à juíza Lunt, mas de nada lhes serviu.

Cátia Carmo | Correio da Manhã | 28-02-2016


 

Festejam pena suspensa na Net e são condenados a prisão efetiva

Dois irmãos, condenados a penas suspensas por tráfico de droga, comemoraram as penas com críticas duras à juíza. Chamados de volta a tribunal, não tiveram mais perdão.

Daniel Sledden, de 27 anos, e o irmão, Samuel, de 22, insultaram, no Facebook, a juíza que os mandou para casa com uma condenação a dois anos de prisão com pena suspensa.

Acusados de tráfico de droga, os irmãos Sledden ficaram radiantes com a sentença, que os deixou em liberdade. Deram largas à alegria no Facebook, mas foram longe de mais nos comentários, insultando a juíza que tinha proferido a sentença.

Os arguidos, de Accrington, Lancashire, no Reino Unido, foram chamados de novo a tribunal quando a juíza tomou conhecimento dos "posts" insultuosos que a dupla tinha colocado na rede social.

"Os comentários mostram que não mudaram nada", comentou a juíza, ao alegar que a pena suspensa tinha sido um voto de confiança nos irmãos, que se tinham mostrado arrependidos de traficar droga.

"Obviamente, não aprenderam nada sobre responsabilidade", acrescentou a juíza, ao anunciar que levantou a condenação a pena suspensa para ordenar uma pena efetiva de dois anos de cadeia para os irmãos Sledden.

"Os comentários tinham linguagem ofensiva e de conteúdo sexual dirigidos a mim enquanto juíza e enquanto mulher juíza", explicou a magistrada.

Segundo a imprensa britânica, os irmãos escreveram cartas a pedir desculpa à juíza, mas a sentença parece definitiva: dois anos de cadeia.

Jornal de Notícias | 28-02-2016


Comentários (1)


Exibir/Esconder comentários
...
A lei inglesa permite isto??????????????
E depois ainda há quem se queixe das leis portuguesas!!!!!
espantoso! , 29 Fevereiro 2016 - 14:49:23 hr.

Escreva o seu comentário

reduzir | aumentar

busy

Últimos conteúdos

InVerbis 2017 Com o termo do ano de 2016, cessaram as publicações de conteúdos nesta Revista Digital de 2016.Para acede...

O Sindicato dos Funcionários Judiciais (SFJ) avançou com uma providência cautelar no Tribunal Administrativo de Círculo ...

O Presidente da República afirmou esta quarta-feira em Coimbra que o sistema de justiça "é um problema", considerando qu...

Procuradores temem transferências sem consentimento que colocam em causa os princípios de estabilidade e inamovibilidade...

Últimos comentários

Tradução automática

Atualidade Direito e Sociedade Condenados a prisão por insultar juíza no Facebook

© InVerbis | Revista Digital | 2016.

Arquivos

Sítios do Portal Verbo Jurídico