In Verbis


icon-doc
REVISTA DE 2015

Prisão preventiva de Sócrates vai custar mais 4500€ ao Estado

  • PDF

Se José Sócrates tivesse concordado com a pulseira electrónica, o Estado gastaria apenas 1520 euros até 9 de setembro, data em que a medida de coação será reavaliada. Assim gastará três vezes mais.

A prisão preventiva de José Sócrates vai custar ao Estado três vezes mais do que a medida de coação inicialmente proposta pelo Ministério Público de permanência na habitação com pulseira eletrónica. Feitas as contas, se um arguido com obrigação de permanência na habitação com pulseira tem um custo de 16 euros por dia, um recluso a cumprir pena ou preso preventivamente num estabelecimento prisional já custa 48 euros diários. Concretizando: até ao dia em que a medida de coação de José Sócrates for reavaliada, a 9 de setembro, o Estado irá gastar quase 4500 euros só com o ex-primeiro-ministro. Valor que seria bem mais baixo caso o arguido tivesse concordado com a vigilância eletrónica. No total seriam apenas 1520 euros.

Ainda assim, são valores bem mais baixos do que o erário público teria de gastar caso a opção do Ministério Público e do juiz de instrução criminal Carlos Alexandre passasse por uma permanência na habitação vigiado 24 horas por um agente da PSP. No total – e dependendo do valor do ordenado dos agentes destacados – o custo rondaria entre os 204 e 306 euros por dia, contabilizando um total (neste caso concreto) de 18 mil a 28 mil euros pelos mais de 90 dias em que Sócrates ficará com a medida de coação ontem decidida. Neste caso, seriam necessários oito agentes com turnos de seis horas cada um.

Diário de Notícias | 10-06-2015

Comentários (5)


Exibir/Esconder comentários
...
Continua a viver à pala dos outros.
Dito , 11 Junho 2015 - 16:29:19 hr.
...
Gasta três vezes mais...! E depois? É este tipo de notícias que intoxica a opinião pública. Se os juízes não prendem, "aqui d'el rei..."; se não prendem, aqui d'el rei" também. Vá lá, decidam-se por uma vez o que pretendem....! Que tristeza de país, cheio de opinadores com a cartilha do Pinto...!
Indignado , 11 Junho 2015 - 18:23:38 hr.
Está explicado , Comentário com excessivos votos negativos [Mostrar]
...
Vou explicar a uma criança de 6 anos. Para apanhar este grão, não é necessária uma peneira com malha tão fina. Pode ser uma de malha intermédia. Se o grão não gosta da intermédia, não pode ser aplicada a mais larga, pois foge entre a malha desta. Tem de se continuar a aplicar a de malha mais fina.
dit , 12 Junho 2015 - 13:11:01 hr.
**...zinho com imunidade diplomática
Discutem-se 'migalhas', quando o que está em causa é a avaliação de um comportamento com gravíssimas repercussões para o País!...
[Ainda que trabalhando aquilo que se percebe ser... não mais do que a ponta do Iceberg...]

Grave, grave é este indivíduo ter um tratamento de privilégio e designadamente ficar dispensado do exercício de acocoramento regulamentar, exigido aos demais...

Giulia , 14 Julho 2015 - 14:34:44 hr.

Escreva o seu comentário

reduzir | aumentar

busy

Últimos conteúdos

Com o termo do ano de 2015, cessaram as publicações de conteúdos nesta Revista Digital de 2015.Para aceder aos conteúdos...

Relatório de gestão da comarca de Lisboa revela falta de dinheiro para impressoras, papel higiénico, envelopes e lâmpada...

Mudança ignorou dúvidas de constitucionalidade levantadas pelos dois conselhos superiores dos tribunais, pela Associação...

Portugal assinala 30 anos de integração europeia a 1 de Janeiro, e três décadas depois de ter aderido à então Comunidade...

Últimos comentários

Atualidade Tribunais Prisão preventiva de Sócrates vai custar mais 4500€ ao Estado

© InVerbis | Revista Digital | 2015.

Arquivos

• Arquivos 2012 | 2013 |2014 |
Arquivo 2007-2011
Blog Verbo Jurídico
(findo)

Sítios do Portal Verbo Jurídico