In Verbis


icon-doc
REVISTA DE 2012

Reclamar pensão de alimentos em tribunal fica mais caro

  • PDF

Portaria elimina desconto de 90% nas taxas de justiça em processos de jurisdição de menores.

Pedir em Tribunal que um dos pais pague a pensão de alimentos em atraso, ou para ter acesso ao Fundo de Garantia dos Alimentos, são dois dos atos que vão encarecer com a novas taxas judiciais. De 62 euros, passam a ter de pagar 306 euros. A alteração aplica-se a todos os processos de jurisdição de menores, como a decisão sobre a tutela de uma criança ou a regulação das responsabilidades parentais.

O aumento deve-se à revogação de parte um artigo na portaria que regula a contabilização e pagamento das custas processuais. O texto anulado permitia que estes processos se pagasse 10% do valor das custas (612 euros).

Na nova legislação, apenas se dispensa a primeira prestação (metade), pagando-se a segunda no final.

"O Estado está de costas voltadas para a família e para as necessidades imperiosas das crianças. É importante que as decisões sejam tomadas de forma atempada e justa", considera João Mouta presidente da Associação Pais Para Sempre (APPS).

Lembrando que existem "meios alternativos na regulação de conflitos" como a mediação familiar e os julgados de paz", João Mouta frisa que a crise económica "vai trazer desequilíbrio às famílias e provocar situações de incumprimento".

A situação do país leva o advogado Jorge Neto a dizer que "não há sensibilidade social por parte do Ministério da Justiça". O jurista não concorda com o recurso aos meios alternativos por "limitar o acesso à justiça" garantido constitucionalmente.

"O agravamento da situação da classe média" é outra das suas preocupações. "As pessoas vão recorrer mais aos tribunais, mas não vão ter dinheiro para o fazer", explica.

Na sua opinião, o ideal seria "reduzir as custas processuais, não aumentá-las".

O juiz desembargador Manuel Madeira Pinto, da Relação do Porto, entende que "na jurisdição de menores deviam ter cautela". O aumento das custas é um desincentivo ao recurso à justiça. Nos tribunais de família "a litigiosidade está a aumentar", com o número crescente de "incidentes de cumprimento" (o ato processual para obrigar a outra parte a cumprir o acordado ou sentença).

Ana Gaspar | Jornal de Notícias | 31-03-2012

Comentários (3)


Exibir/Esconder comentários
...
É sempre bom ver a importância que dão aos conselheiros Acácios com a sua prudência sempre politicamente correta!!!

EU NÃO ESTOU PARA PAGAR IMPOSTOS PARA ANDAREM UNS QUANTOS MANUÉIS E MANUELAS EM TRIBUNAL A IDIOTIZAR À CONTA DOS MEUS IMPOSTOS! No meu tempo (e agora não será muito diferente decerto) havia incumprimentos e alterações da regulaça do pod paternal completamente asnáticos...muitas vezes como forma de retaliação entre paizinhos inimputáveis que, em 90% dos casos, litigavam com o belo apoio judiciário pago pelos impostos dos outros.

Tem de haver acesso à justiça...MAS O ACESSO À JUSTIÇA NÃO PODE SER UMA PORTA ESCANCARADA ÀS IDIOTICES QUE CADA UM SE LEMBRAR DE LEVAR A TRIBUNAL!
Zeka Bumba , 02 Abril 2012
Aprende-se muito a ler a LEI
Confesso que tenho muitas dúvidas que seja assim. Efetivamente o Artº 15º do RCP refere que estão dispensados de pagamento de taxa de justiça inicial. Ora ajudai-me lá SFF .....
Jaime Roriz , 02 Abril 2012 | url
Aprende-se muito a ler a LEI.....sim
O art. 15º refere apenas que estão dispensados do pagamento PRÉVIO - al.f), Nº 1. No entanto, e conforme dispõe o art. 14º-A, al-g), este tipo de processo está dispensado do pagamento da segunda prestação, pelo que, independentemente de condenação a final, as partes devem ser notificadas com a decisão final para efectuarem o pagamento da taxa de justiça no prazo de dez dias ( art.15º, nº 2), pelo que pagarão apenas metade do valor da taxa de justiça devida pelo impulso processual.. smilies/wink.gifsmilies/wink.gifsmilies/wink.gif
toni , 03 Abril 2012 | url

Escreva o seu comentário

reduzir | aumentar

busy

Últimos conteúdos

A estrutura da InVerbis está organizada por anos e classificada nos correspondentes directórios.Os conteúdos publicado...

O Estado assumiu, através da empresa pública Parvalorem, a dívida de quase 10 milhões de euros de duas empresas de Vítor...

Dos 118 homicídios cometidos em 2012, 63 tiveram familiares como protagonistas • Cinco pais e 18 padrastos detidos por a...

Pedro Lomba - Na primeira metade do ano o ajustamento negociado com a troika correu dentro do normal e expectável. Mas d...

Últimos comentários

Tradução automática

Atualidade Tribunais Reclamar pensão de alimentos em tribunal fica mais caro

© InVerbis | 2012 | ISSN 2182-3138 

Sítios do Portal Verbo Jurídico